INÍCIO /// AGRUPAMENTOS
 
 
 
 
 
40 anos de atividade sem interrupções, e pela contínua formação de jovens em prol da Comunidade.
Artigo publicado a 2017-07-17 /// 1339 visualizações
 
Agrupamento 489 comemora aniversário com promessas
No dia 10 de junho, Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas e Dia do Santo Anjo da Guarda de Portugal, nascia oficialmente o Agrupamento 489, da Lourinhã, no ano de 1977.
40 anos mais tarde, sob o lema “SERmos+, 40 Anos de Aventuras”, o nosso agrupamento comemorou o seu aniversário conjuntamente com o Dia de Promessas, numa celebração aberta à Comunidade, no Jardim Nossa Senhora dos Anjos, junto à nossa sede.

Contou com a presença de cerca de 150 escuteiros, entre eles representantes de outros agrupamentos, do chefe de núcleo do Oeste, Rui Pedro, do Chefe Mário Pedro, chefe de núcleo à data de fundação do nosso agrupamento, elementos do núcleo da Lourinhã da Fraternidade de Nuno Álvares, diversos representantes de entidades locais, os presidentes da Câmara Municipal da Lourinhã, União de Freguesias de Lourinhã e Atalaia, Junta de Freguesia de Moita dos Ferreiros, bem como familiares e amigos dos elementos do agrupamento.

Na noite de 9 de junho realizámos a Vigília de Oração, momento de reflexão acerca do compromisso que as Promessas implicam, onde aqueles que se comprometeram para com Deus, a Igreja e a Pátria, a deixar este mundo um pouco melhor do que o encontraram, seguindo sempre as Leis e princípios, construíram uma montanha simbólica, representando o caminho escutista que todos nós percorremos, e que foi inspirada em Pier Giorgio Frassati e no lema deste ano.

Estes elementos acenderam também uma vela por cada artigo da Lei do Escuta/Leis da Alcateia e Princípios do Escutismo/Máximas do Lobito proclamados e com este momento de Oração e de Reflexão demos por preparados os nossos elementos para as suas Promessas.

Na manhã de 10 de junho tiveram lugar as Promessas do nosso agrupamento, onde para além daqueles que fizeram as suas promessas, todos nós as renovámos, perante Deus, numa Eucaristia ao ar livre, celebrada pelo bispo auxiliar de Lisboa, D. José Traquina e pelos nossos assistentes padre Ricardo Franco e padre Paolo Ciampoli.

No final da celebração eucarística a foram entregues, a um Lobito e três Exploradores, a Anilha de Mérito pela conclusão do seu progresso individual. Posteriormente, foram entregues lembranças às entidades e agrupamentos por comparecerem à nossa grande festa.

Quando o chefe de agrupamento dava por terminada a cerimónia foi interrompido pela chefe de agrupamento adjunta, Manuela Nobre, que fez um pequeno discurso e condecorou o chefe de agrupamento com a Medalha Cruz de São Jorge 3ª Classe (bronze), pelos serviços prestados em prol do 489. O chefe de núcleo, Rui Pedro, impôs a condecoração.

Seguidamente todo o agrupamento posou para a foto de família junto à nossa sede, e ainda antes do almoço, deslocámo-nos para junto do edifício dos Paços de Concelho, onde ao Núcleo da Lourinhã da Fraternidade de Nuno Álvares tinha preparado uma surpresa para o agrupamento. Colocaram na figura gigante do T-Rex que se encontra frente à Câmara Municipal um lenço e chapéu de escuteiro, de grandes dimensões, em homenagem ao nosso Agrupamento.

Após esta última fotografia houve um almoço convívio, seguido de uma atuação da Tunel – Tuna Escutista da Lourinhã, e posteriormente foram cantados os parabéns ao agrupamento pelos seus 40 anos de atividade sem interrupções, e pela contínua formação de jovens em prol da Comunidade.

Texto de: Inês Pereira. Fotografia de: Agrupamento 489.
 
Bookmark and Share